Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Banqueiros moçambicanos dão boas-vindas ao recurso cartel

A Associação Moçambicana de Bancos (AMB) considera “bem-vinda” a oficialização do uso de cartel na definição das taxas de juro a cobrar pelos empréstimos bancários no país, segundo José Mussane, secretário-geral daquela agremiação.

“Mas a prática não é nova em Moçambique, pois nóstemos vindo a adoptar nos empréstimos que temos vindo a conceder”, disse ao Correio da manhã Mussane depois de convidado a comentar a possibilidade de maior parte dos bancos domésticos passarem a actuar em cartel, segundo admitiu há dias o governador do Banco de Moçambique (BM), Ernesto Gove.

Mussane realçou que esta prática nunca tinha sido divulgada no país, acrescentando que a medida “vai contribuir muito para o desenvolvimento de Moçambique que precisa de muitos financiamentos para viabilizar projectos”.

Refira-se, entretanto, que operam em Moçambique 537 balcões pertencentes, na sua maioria, a quatro maiores bancos, nomeadamente, Millenium bim, Banco Comercial e de Investimentos (BCI), Standard Bank e Barclays Bank Moçambique, que detêm 89% dos activos totais do mercado.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!