Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Atentado em Warri no início de conferência de paz

O principal grupo armado do sul petroleiro da Nigéria detonou pelo menos duas bombas esta segunda-feira, na abertura de uma conferência de paz na cidade de Warri, e pela primeira vez ameaçou atacar as instalações da petroleira Total.

Os atentados aconteceram durante a manhã em Warri, importante cidade do estado do Delta, onde teve início uma conferência de dois dias dedicada à paz e às negociações de anistia entre o governo e os grupos armados que operam na região. “Foram duas explosões de automóveis. A primeira no momento em que os governadores chegavam e a segunda meia hora depois”, declarou à AFP Linus Chima, o porta-voz do governador do estado de Delta, Emmanuel Uduaghan.

A primeira explosão aconteceu no momento em que os participantes entravam na sala de conferências, na sede do governo local em Warri. A detonação provocou pânico entre os participantes, que deixaram o local em meio a fumaça. Até o momento não foram informadas vítimas do ataque.

Poucos minutos antes, as redações dos jornais locais receberam um comunicado do Movimento de Emancipação do Delta do Níger (MEND), o principal movimento de guerrilha do sul petroleiro da Nigéria, com o anúncio de que três bombas haviam sido colocadas dentro e fora do local da conferência. “Nos próximos dias atacaremos as instalações petroleiras e ampliaremos nossas ações a companhias como a Total, que foram respeitadas no passado”, afirma o comunicado.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!