Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Apresentado novo técnico de formação de talentos

A Federação Moçambicana de Futebol (FMF) apresentou formalmente na segunda-feira, em Maputo, o secretário técnico para a área de prospecção e formação de novos talentos para a modalidade.

Trata-se de Tovsten Spittler, de nacionalidade alemã, que vai trabalhar em Moçambique na formação de talentos nas camadas inferiores a partir do torneio infanto-juvenil Bebc, ora iniciado, até ao escalão sub 17, para garantir maior sustentabilidade aos níveis seniores do futebol moçambicano. A vinda de Spittler ao país é fruto do acordo rubricado há quatro anos entre a Federação Alemã de Futebol e a FMF, na altura presidida por Mário Coluna, para ajudar nas camadas de formação de talentos que vão garantir maior robustez ao futebol, pelo menos a nível das selecções.

O novo timoneiro vai trabalhar igualmente com o FUT21 na elaboração de um programa a longo prazo de integração dos novos talentos nas camadas seniores, para garantir que o futebol moçambicano tenha uma maior sintonia com os escalões inferiores. Rainer Koch, Vice-Presidente da Federação de Futebol da Bavária (Alemanha) rubricou, na manhã de segunda-feira, um memorando de entendimento com o Ministério da Juventude e Desportos, que formaliza o início da actividade formativa e outras iniciativas previstas nesse domínio. Koch disse esperar que o programa de formação de novos talentos a longo prazo tenha um contributo significativo para a consolidação da formação que vai alimentar a selecção moçambicana, “os Mambas”, e garantir a sua eventual qualificação para o Mundial de 2018 e quiçá disputar a final com a Alemanha.

“Esperamos que o programa de cooperação ajude o futebol moçambicano e, quem sabe, contribuir para a sua qualificação para o Mundial de 2018, onde queremos que dispute a final frente a Alemanha”, disse o vice-presidente. Refira-se que o governo alemão, através da sua federação de futebol, vai custear todas as despesas relativas a estada do novo secretário técnico no país, ao abrigo do acordo de cooperação de longa duração, com vista ao fortalecimento do “desporto rei” no país.

O Presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Feizal Sidat, disse, na ocasião, que a chegada do novo secretário técnico abre uma nova página na história da formação de talentos, porque passar-se-á a contar com um perito qualificado única e exclusivamente para a matéria de prospecção e formação. Os talentos identificados vão, segundo o presidente da FMF, apetrechar as academias criadas para o efeito, como a Academia Mário Esteves Coluna na Vila fronteiriça da Namaacha, província de Maputo, e a Academia de Songo na província central de Tete.

Sidat anunciou igualmente que a Alemanha vai enviar ao país, em Fevereiro de 2010, entre os dias 16 a 23, a selecção germânica de sub 17, para realizar duas partidas de carácter amistoso. Em Junho próximo, caberá a Moçambique escolher e enviar um dado escalão para aquele país europeu a fim de realizar um embate de género. Tovsten Spittler, por seu turno, disse conhecer pouco do futebol moçambicano, contudo tem mais de uma década na área de formação e uma boa experiência com o futebol africano, tendo passado pela Serra Leoa e Egipto onde desenvolveu programas de formação para o futebol.

Na sua vasta experiência, o perito germânico já passou pela Malásia onde trabalhou com a selecção principal, Iémen e Canadá. Refira-se que este programa de formação está a ser desenvolvido em três países africanos, nomeadamente Moçambique, Namíbia e Ruanda, ao abrigo da cooperação existente entre a Alemanha e os governos dos três países.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!