Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Apreendido mais um lote de pedras preciosas

Uma equipa multi-sectorial constituída por técnicos do sector de Recursos Minerais e agentes da Polícia da República de Moçambique acaba de apreender, no distrito de Nicoadala, província da Zambézia, mais de três mil quilogramas de pedras preciosas e semi-preciosas.

Trata-se de mais um lote de minerais explorados de forma ilegal naquela província central do país, supostamente para alimentar o mercado internacional.

A viatura que transportava o produto apreendido, de marca Canter com a chapa de inscrição AAB 405-MP, era acompanhada apenas de dois agentes da polícia, apesar do risco que a missão envolvia.

E o processo de descarregamento aconteceu no princípio da manhã da quarta-feira, mas sem a presença dos responsáveis da área, conforme constatamos no local.

Aliás, a nossa reportagem que, durante o dia, esteve no encalço do assunto, foi informada que o delegado do FFM se encontrava numa missão de pesquisa algures na província de Cabo Delgado, enquanto o seu substituto se recusou pura e simplesmente a atender as nossas insistentes chamadas telefónicas.

O inspector–chefe provincial dos Recursos Minerais, Fila Lazaro escusou-se igualmente a fazer qualquer comentário, alegando não ter sido notificado oficialmente sobre o assunto.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!