Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Afrobasket: o segredo e o piso são armas do jogo das nossas meninas

Afrobasket: o segredo e o piso são armas do jogo das nossas meninas

A poucas horas do apito inicial do Campeonato Africano das Nações em basquetebol seniores femininos, o AfroBasket, Nasir Salé esconde a táctica da nossa selecção para chegar ao ouro e conta que o piso de parquet do pavilhão do Maxaquene ajude as nossas meninas a chegar ao Mundial. Os bilhetes custam 100 Meticais na primeira fase e, segundo a Federação, tudo está a postos para Maputo receber a fina flor do basquetebol africano.

A nossa selecção de basquetebol, que tem estado a realizar treinos bi-diários, à portas fechadas, entrou oficialmente em estágio nesta quarta-feira, numa unidade hoteleira não divulgada, na capital moçambicana.

Nos cinco minutos abertos a comunicação social as nossas meninas treinavam alegremente, tentando afastar a ansiedade das últimas horas que antecedem a estreia na sexta-feira (20), a partir das 19h30, diante do Zimbawe.

O objectivo, enfatizado pelo Presidente Armando Guebuza no encontro de cortesia desta manhã, é conquistar o ouro que foge a nossa selecção há vários anos e garantir a qualificação, inédita, para o mundial da modalidade que vai ser disputado na Turquia.

“Nós acreditamos em vocês, sabemos que são capazes. Também sabemos que transportam nos vossos corações o nosso grande Moçambique e o seu maravilhoso povo, bem como o sonho de o país se tornar campeão africano”, afirmou Guebuza que acrescentou “Vocês é que são Moçambique. Nos aguardamos e acompanharemos com toda a atenção o vosso empenho que coloca Moçambique como parte da bela história do desporto mundial”.

Visitantes com tratamento VIP

De acordo com o presidente da Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), Francisco Mabjaia, está tudo pronto para o arranque deste certame, faltando apenas chegada das selecções que vão participar nesta prova continental que Moçambique organiza pela terceira vez.

Já estão em Maputo as selecções nacionais de Angola (a campeã africana em título), Cabo Verde, Mali, Quénia, Argélia, Egito e Senegal. São aguardadas nesta quinta-feira as seleções do Zimbabwe, Camarões, Costa do Marfim e da Nigéria.

As onze selecções estarão hospedadas no hotel VIP, na baixa da cidade das acácias, a algumas centenas de metros do pavilhão do Maxaquene que voltará a ser a catedral do basquetebol moçambicano, contrariando a previsão inicial que incluía o pavilhão do Desportivo, onde agora deverão acontecer apenas os treinos das selecções participantes.

A restante logístiva das nossas visitantes, assim como dos representantes da FIBA-AFRICA, está também acautelada pela equipe organizativa nacional.

O piso poderá ajudar-nos

O plano inicial da FMB para este Afrobasket previa o aluguer de piso flutuante, semelhante ao que se usa nos grandes palcos de basquetebol mundial. Contudo o plano não se concretizou pois na África do Sul, onde se iria encontrar o piso, as provas também iniciam nesta sexta-feira (20).

Segundo Francisco Mabjaia, depois de saber que era impossível trazer o piso de basquetebol, o seu elenco tentou trazer o piso de Netbol, que tem as mesmas dimensões que o de basquetebol, mas acabou por não conseguir, porque esta modalidade assim como o basquetebol vai organizar o seu campeonato nacional dentro de dias.

“Assim optamos por deixar o piso de parquet, que esta em excelentes condições para a pratica de basquetebol” concluiu Francisco Mabjaia.

Diga-se que este mal poderá beneficiar as nossas meninas habituadas a jogar no piso de parquet, pese o facto de durante a preparação haverem se treinado em pisos flutuantes.

Entradas custam 100 meticais

A nossa selecção precisa do apoio de todos os moçambicanos e por isso a Federação decidiu que na primeira fase as entradas para o pavilhão do Maxaquene custarão apenas 100 meticais. Nas fases seguintes o preço das entradas deverá sofrer algum agravamento.

 

Acompanha os jogos em tempo real e apoia a nossa selecção #Moçambique no TWITTER @DesportoMZ
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!