Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

África do Sul/Autárquicas: Eleições decorrem com normalidade em todo o país

As eleições autárquicas, para as quais estão inscritos mais de 23 milhões de eleitores, decorreram num clima de normalidade em quase todo o território sul-africano esta quarta-feira. Ao meio-dia local já tinham votado os principais líderes partidários: Jacob Zuma, do ANC, na sua aldeia-natal de Nkandla, no Kwazulu-Natal, e Helen Zille, da Aliança Democrática (AD), na Cidade do Cabo.

Os candidatos à presidência da Câmara da Cidade do Cabo (uma das únicas duas em todo o país que é ocupada desde 2006 pela AD), Patricia de Lile, da AD, e Tony Enreinrech, do ANC, também depositaram os seus votos nas urnas durante a manhã, tendo-se ambos declarado esperançados na vitória nestas quartas autárquicas da era pós-“apartheid”.

Em Joanesburgo, a capital económica do país, apenas a Aliança Democrática nomeou um candidato, Mmusi Maimane, um advogado natural do Soweto. O ANC não voltou a nomear o seu atual “mayor”, Amos Masondo, e afirmou que só depois das eleições anunciará o nome do eventual sucessor de Masondo, uma vez que as listas de candidatos foram contestadas por estruturas regionais do movimento por terem alegadamente sido alteradas depois das votações internas.

O mais grave incidente verificado ainda na noite de terça-feira foi o incêndio provocado por desconhecidos numa assembleia de voto de Grootvlei, a sul de Bloemfontein, mas a Comissão Independente Eleitoral ergueu uma nova tenda nas imediações garantindo o funcionamento normal daquela assembleia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!