Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

África do Sul entra em contagem regressiva para o Mundial de 2010

Com um remate na bola, no estádio de Green Point, ainda em construção, o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, lançou nesta quinta-feira, na Cidade do Cabo, a contagem regressiva para o Mundial-2010, que começa exatamente dentro de um ano.

“Muitas pessoas não acreditavam que o Campeonato do Mundo seria” na África, declarou, acrescentando que quando a África do Sul foi designada como sede, “as pessoas diziam que não íamos conseguir”.

O presidente estava vestido com uma camiseter de uma cor forte e usava um capacete vermelho e amarelo dos trabalhadores da indústria da construção civil. “Conseguimos. Dentro de um ano será dado o apito inicial”, disse Zuma, antes de chutar a bola, às 16h00 em ponto (14H00 GMT), hora exata em que, dentro de um ano, será realizada a abertura oficial do Mundial.

Estavam no Green Point, operários, o secretário-geral da Federação Internacional de Futebol (FIFA), Jérôme Valcke, e a líder do partido de oposição no país e primeira-ministra da província de Western Cape, Helen Zille.

O estádio tem capacidade para 68.000 espectadores e é um dos dez onde serão disputadas as partidas da Mundial de 2010, de 11 de junho a 11 de julho.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!