Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

61 estrangeiros interditos de entrar em Moçambique

Pelo menos 61 estrangeiros de nacionalidades portuguesa, nigeriana, paquistanesa, bengalesa e camaronesa foram, na semana passada, impedidos de entrar em Moçambique, através do Aeroporto Internacional de Maputo, devido à falta de clareza nos motivos que os trouxe ao país.

Segundo o porta-voz do Comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo, Orlando Madumane, os referidos cidadãos chegaram ao país nos voos da Kenya Airways e dos Transportes Aéreos de Portugal (TAP). Regressar à origem nas mesmas companhias.

Deste número, 22 eram de nacionalidade portuguesa, seis nigerianos, quatro paquistaneses e igual número de bengales e dois camaroneses.

A Polícia entende que a procura de espaço para desenvolver negócios é um dos motivos da entrada cada vez massiva de estrangeiros no território moçambicano.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!