Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

15 russos processados por tráfico de armas e entrada ilegal na Nigéria

Os 15 membros da tripulação dum barco russo detidos, ano passado, pela Marinha nigeriana poderão ser julgados por entrada ilegal nas águas territoriais da Nigéria e não declaração de armas e de munições, noticiou o diário privado “Punch”.

A Marinha já entregou estes marinheiros à Polícia para que ela possa concluir o inquérito sobre estes presumíveis delitos.

Quatorze fuzis AK47 e 20 Benelli MRI, bem como oito mil 898 cartuchos de munições foram apreendidos no navio russo.

Um oficial da Marinha nigeriana, o comodoro Martin Njoku, declarou que a entrega dos suspeitos à Polícia era necessária porque a Marinha não tinha o poder de os processar.

Njoku afirmou que a Marinha entregava apenas os membros da tripulação à Polícia, mas não o navio e as armas.

O comissário adjunto da Unidade Especial contra a Fraude da Polícia (SFU), Bashiru Muazu, disse que a Polícia concluirá o inquérito e intentará acções judiciais contra a tripulação se a sua culpabilidade for estabelecida.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!